ONG abre inscrições para seletiva de novos voluntários

9 de fevereiro de 2017

Estão abertas, até o dia 2 de março, as inscrições para o processo que vai selecionar novos voluntários para atuar na ONG Doutores Palhaços SOS Alegria. Os candidatos devem ser maiores de 18 anos e ter tempo disponível para uma escala semanal (uma tarde ou uma manhã por semana e um domingo ao mês para oficinas e treinamentos).

Os interessados devem ler as instruções e cronograma disponíveis no site http://sosalegria.org/processo-seletivo-2017/, fazer o download da ficha de inscrição e encaminha-la preenchida em formato PDF junto com o comprovante de depósito da taxa de inscrição, no valor de R$ 25, para o email selecao2017@sosalegria.org. De acordo com o coordenador e fundador da ONG, Bruno Madalozo, a seleção busca conhecer o participante e diagnosticar se há habilidades para o trabalho, disponibilidade para trabalhar em dupla ou trio, capacidade de improviso e comprometimento. “O Amor é o principal sentimento que se deve ter em todas as tarefas a serem realizadas na vida, mas para tudo se exige um determinado preparo. A Organização Doutores Palhaços SOS Alegria preza por um trabalho de qualidade a ser oferecido nos hospitais, por isso a seleção e em seguida a capacitação, pois nosso público (seja uma sala de espera, enfermaria ou apenas um paciente) merece o que temos de melhor a oferecer”, afirma Madalozo, que também é um doutor palhaço.

O processo é composto de 7 etapas, que começam no dia 4 de março (após o período de inscrição) e vão até o dia 9 de abril, e que incluem apresentação e palestra sobre o trabalho, entrevista seletiva, três oficinas cênicas artísticas, práticas de humanização e avaliação psicológica, Palestras técnicas sobre controle de Infecção, Cuidados no Hospital, O palhaço no ambiente hospitalar, Código de Ética, Montagem Maquiagem/ Figurino e Apresentação das Normas Internas. A última etapa é um teste (apresentação de um quadro cômico) para uma banca composta por membros da coordenação, departamento psicológico e membros da organização. O coordenador informa que a falta em qualquer uma das etapas é desclassificatória sendo necessário cem por cento de presença em todas as etapas. “Todos os voluntários palhaços passam por um rígido processo de seleção e oficinas de formação para atuar em ambiente hospitalar. Para ser um Doutor Palhaço é preciso ser iniciado na linguagem do palhaço, e isso já exige uma grande dedicação artística. O improviso é um dos maiores elementos do trabalho, porque dentro do hospital o público não veio até você para assisti-lo, como acontece em outros ambientes. Entendemos que todos podem ser palhaços, desde que, se capacitem para o trabalho tendo comprometimento”, esclarece o coordenador.

O último processo aconteceu em 2015 e selecionou 17 voluntários. Atualmente a ONG Doutores palhaços conta com 20 voluntários atuantes e alguns licenciados.

 

 

 

 

 

 


Postado por: SOS Alegria

Compartilhar: